Numa era em que todos têm algo a dizer, ser escutado é um privilégio.

Numa era em que todos têm algo a dizer, ser escutado é um privilégio.



Você sabia que muitas vezes uma pessoa que busca sua ajuda não quer mil conselhos? Só quer ser escutada e acolhida? Pois é! No mundo real há muitos que têm o que dizer e poucos que sabem escutar.


E hoje mais do que nunca, como as pessoas estão precisando ser ouvidas!

Mas como conseguir ser de fato escutado?


Nós vivemos num momento histórico de intensa interação, mas as pessoas nunca estiveram tão solitárias... ⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀ Eu fiz residência multiprofissional no Hospital das Clínicas da UFG há alguns anos, e como eu era da Urgência e Emergência eu rodava por todas as áreas do Hospital. Quando eu estava na UTI neonatal e o médico ia dar a notícia de um óbito para a mãe, toda a equipe saía de perto. Frequentemente ficavam só médico e psicólogo. E depois de algum tempo ele também saía e eu ficava ali com a mãe em prantos.


Mas a equipe fazia isso porque era insensível? Não! Exatamente o contrário. Eles se afastavam porque era insuportável ver o sofrimento daquela mãe. Não é todo mundo que aguenta lidar com isso, ainda mais se não fizer acompanhamento psicológico.⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀


O que dá para falar num momento desses? Grande parte das vezes não era preciso dizer nada, pois elas só queriam que alguém estivesse ali. Companhia nesse momento de tanta dor. ⠀

Uma das lembranças mais fortes que tenho é da UTI adulto, de uma mãe que acompanhei durante toda a internação do filho dela, quando recebeu a notícia do óbito. Ela me abraçou tão, tão forte, e só chorava. E eu fiquei ali com ela o tempo que ela precisou. ⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀ Citei os exemplos do hospital, mas isso vale para qualquer contexto da vida. Quando alguém está sofrendo, a maioria das pessoas acha que tem que dizer ou fazer algo para aplacar aquela dor, mas a verdade é que constantemente a pessoa só quer que você esteja ali. A questão é conseguir lidar com tudo aquilo. ⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀ Muitas vezes estar ali, sem julgamentos, é mais acolhedor do que todo um roteiro de palavras.


Resumindo: numa era em que todos têm algo a dizer, ser escutado é um privilégio.


Beijo,


Liege Vieira

Colunista da Sociedade das Marias


Que tal escrever para o Blog das Marias ou anunciar aqui?

Entre em contato conosco e saiba mais: (11) 9 9335-0525



0 visualização
NOSSO TELEFONE

(11) 99335-0525| (11) 97444-5908

NOSSO EMAIL
NOSSOS HORÁRIOS

Segunda a Sexta, das 09h às 17h.

INSCREVA-SE AQUI
LINKS ÚTEIS
  • Facebook Social Icon
  • Instagram Social Icon
  • Twitter Social Icon
  • YouTube Social  Icon

© 2019 Sociedade das Marias